NPD002. CONFUSÃO GERAL


Sujeito chega todo arrebentado no hospital.
– O que aconteceu, perguntou o médico de plantão.
– Foi pregando um botão, doutor.
– Pregando um botão? Como assim?
– Eu explico: eu moro numa pensão. Quando eu estava perto de sair para o trabalho, hoje pela manhã, descobri que faltava um botão na braguilha. Pedi para a dona da pensão me arranjar um botão. Ela arranjou botão, agulha e linha. Como eu não sabia pregar o botão, ela se prontificou a fazer o serviço. Fiz menção de ir para o quarto tirar as calças, mas ela disse que não havia necessidade, que pregaria ali mesmo. Quando ela acabou de pregar o botão, tinha que cortar a linha. E o senhor sabe como as mulheres cortam a linha: dão aquele nozinho e cortam com os dentes. Pois foi justo nessa hora que o marido dela entrou na sala…