NPD 052. PARA NUNCA ESQUECER O NAZISMO


Para os mais jovens, que se distanciaram muito dos indispensáveis conhecimentos históricos do século XX, uma leitura lúcida que mostra que o Terceiro Reich ter sido mais que um fenômeno sociopolítico, também sendo a manifestação da personalidade doentia de um assassino que se tornou Führer. Um alucinado que imaginava que a Divina Providência lhe havia confiado a missão de subjugar todas as raças “inferiores”, também erradicando os judeus da face da Terra. Um relato de uma época, cuja leitura torna-se amplamente indispensável numa crise pandêmica onde alguns alucinados sectários se imaginam salvadores do mundo, menosprezando os alicerces libertários, igualitários e fraternais da Democracia, mesmo com todas as suas atuais distorções sociais e políticas causadas por lideranças moralmente despreparadas. Eis o livro:
UMA NOVA HISTÓRIA DE HITLER E DAS NAZISTAS : O PESADELO DA ASCENSÃO E A QUEDA DE ADOLF HITLER
Paul Roland
São Paulo. M. Books do Brasil Editora, 2017, 230 p.
SUMÁRIO: Introdução – Uma Questão Demoníaca; 1. A Infância de Juventude de Hitler; 2. Retrato do Tirano quando Jovem Artista; 3. Influências Insidiosas; 4. Tempos Turbulentos; 5. Irrupção até o Poder; 6. O Reich dos Mil Anos; 7. A Vida Privada de Hitler; 8. Por Dentro do Reich; 9. Doutrinação e Ideologia; 10. O Caminho até a Guerra; 11. Guerra Total; 12. Punição Merecida; Linha de Tempo.
O autor vai fundo na história pessoal, na personalidade e nos distúrbios de Hitler, ressaltando o tipo de mentalidade que concebeu o Estado Nazista.
Um texto muito bem elaborado que retrata o narcisismo maligno, a psicose criminosa e as perversões praticadas por um grupo de alucinados, adorados por muitos que não pressentiam a futuridade daquelas iniciativas criminosas.
Uma oportunidade para todos, concluída a leitura do livro, efetivarem análises comparativas com outros tiranos daquela época e dos dias atuais, de todos os extremos ideológicos, binoculizando ações militantes para a efetivação de uma configuração planetária mais igualitária e fraterna.