facebook
Aumentar fonte  Diminuir fonte  Indicar esta página  Imprimir esta página
INICIATIVA VITORIOSA
No CCSA - Centro de Ciências Sociais Aplicadas da Universidade Federal de Pernambuco aconteceu, nos dias 28 e 29 deste mês, a Feira de Estágios e Programas de Trainee UFPE no Mercado. O evento foi realizado pela ACE Consultoria, empresa júnior do CCSA,  com  apoio da coordenação do curso de Administração da UFPE. Uma excelente oportunidade de melhor entrosamento entre estudantes universitários e o mercado de trabalho regional.

A iniciativa mereceu aplausos gerais, de professores e de empresários. Sendo integralmente dirigida pelos talentosos universitários da ACE Consultoria, a primeira empresa júnior multidisciplinar do Nordeste, fundada em 1993, congregando atualmente alunos dos cursos de Administração, Contábeis, Economia, Secretariado e Serviço Social. Que batalham pela ampliação e reconhecimento das suas habilidades técnico-científicas perante empresas e empresários, explicitando na Feira suas competências e aspirações.

A Feira de Estágios e Programas de Trainee UFPE no Mercado, iniciativa vitoriosa e com amplas perspectivas de ampliação futura, pode ser classificada como uma via de mão-dupla, proporcionadora de benefícios recíprocos entre acadêmicos e empresas/empresários. E útil alerta os dinossáuricos de todas as áreas que ainda teimam em se esconder das irreversíveis ondas evolucionárias do mundo contemporâneo, preferindo enfiar no chão suas cabeças, satisfeitos com os obsoletos níveis de desempenho que os vitimarão em muito breve espaço de tempo.

O evento patrocinado pela ACE. do CCSA da UFPE ainda proporcionou algumas estratégias significativas. A primeira delas foi a de ressaltar a urgência de um fecundo desindividualismo acadêmico,  reduzindo consideravelmente uma patologia crônica  que persiste nas áreas universitárias, a de agir individualmente, pouco importando o todo, como se cada um fosse por si só plenamente suficiente na construção dos seus amanhãs profissionais.  E a segunda foi a do oferecimento de uma percepção ampliada dos ambientes mercadológicos, posto que trabalhando em equipe se enxerga mais, melhor desenvolvendo habilidades e binoculizações, favorecendo um agir mais aprimorado na direção dos desafiantes cenários futuros, dos nichos mercadológicos emergentes, dos modelos mais contemporâneos de gerência, dos mecanismos de uma colaboração grupal mais efetiva e de resultados mais significativos.

A ACE do CCSA da UFPE de há muito já compreendeu que sem uma mudança de atitudes comportamentais dos universitários, as técnicas serão de muito pouca valia. E que apenas agendas formigadas de compromissos não são suficientes para identificar um empreendedor bem sucedido, nem tampouco um profissional criativo, muito pelo contrário. Pode revelar tão somente um comportamento viciado, uma ataxia administrativa que transforma  planejamentos em implementações contaminadas por uma sensação de impotência, como se "a vida de empresário fosse um corre-corre danado, sem tempo nem prá um aprimoramento consistente".

Desde sua fundação, a ACE. oferece aos alunos do Centro de Ciências Sociais Aplicadas da UFPE uma bem estruturada complementação profissional à formação acadêmica, aprimorando o senso crítico, alicerçando a liderança numa maior compreensão do que seja competitividade, ampliando criatividades e promovendo um empreendedorismo radicalmente indispensável para os atuais tempos desafiadores. 

A ACE é uma associação civil sem fins lucrativos, independente administrativa e financeiramente da Universidade Federal de Pernambuco, não estando subordinada a qualquer órgão ou departamento, mantendo-se através dos recursos provenientes da prestação de serviços e parcerias institucionais, da UFPE contando com o seu apoio na cessão de espaços físicos e energia, entre outros incentivos.

Bicampeã do PQGP – Prêmio da Qualidade e Gestão Pernambuco, 2007 e 2008, a ACE se tornou também vencedora recentemente da etapa estadual do MPE Brasil, Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas, agora concorrendo à etapa nacional. Entretanto, o maior orgulho da ACE é seu portfólio de clientes, que acreditam na capacidade dos seus integrantes, submetidos todos a um rigoroso processo seletivo, composto de cinco fases eliminatórias.  

No seu recente e instingante livro Criatividade e Grupos Criativos – Sextante, 2003 – Domenico de Masi homenageia Gilberto Freyre, quando ele dizia: “Se dependesse de mim, eu não estaria nunca plenamente maduro nem nas idéias nem no estilo, mas sempre verde, incompleto, experimental”. Quando observo alguns profissionais se dizendo amadurecidos, de pronto imagino que um mórbido estado d’alma neles já se estabeleceu. O “estou realizado” é cancro da pior espécie. De difícil cura, antecipa a morte mental e retarda a construção do Reino. Pior que ele só os hidrocelésticos, aqueles que deixam a gente pra lá de aperreado.

Parabéns efusivos, ACE do CCSA da UFPE!!!!

(Publicada em 31.03.2011, no Portal da Globo Nordeste, blog BATE & REBATE)
Fernando Antônio Gonçalves

 

Site criado com o sistema Easysite Acadêmico da eCliente.
ECLIENTE INFORMÁTICA