facebook
Aumentar fonte  Diminuir fonte  Indicar esta página  Imprimir esta página
AS LEIS NATURAIS QUE REGEM O UNIVERSO
 O Universo é regido por Leis Naturais, e você está contido no Universo. Então, mesmo que você não saiba, não creia ou não aceite, estas leis regem a sua vida. E se você vive contra essas leis, sua vida fica mais difícil e dolorosa. Portanto, se você quer encontrar a felicidade plena e evoluir, é importante que você aprenda sobre isso.
No colégio, nós estudamos sobre a Lei da Gravitação, a Lei da Ação e Reação, que na Bíblia foi pregada por Jesus Cristo como semear e colher, e a Lei da Gestação/Encubação, que diz que todas as coisas têm um tempo para acontecer. Porém, não estudamos sobre todas as Leis e nem todos os professores sabem do que eles estão falando. Se sabem, não chamam a atenção dos alunos para este ponto.
Existem 12 leis naturais, e 21 sub-leis, que descrevem maneiras em que causa e efeito estão relacionados. As Leis Naturais podem também ser vistas como orientações para comportamentos que irão melhorar o nosso crescimento físico, mental, emocional e espiritual. Estas Leis Universais são todas inter-relacionadas e são fundadas no entendimento de que tudo no Universo é energia, inclusive nós, e que a energia se move de forma circular.
No nível microscópico, somos uma massa rodopiante de elétrons e átomos energéticos girando rapidamente. Na verdade, tudo no mundo é composto de energia e está intimamente ligado a este mar de elétrons que giram.
Nossos pensamentos, sentimentos, palavras e ações são todos formas de energia. O que nós pensamos, sentimos, dizemos e fazemos em cada momento, volta para nós para criar nossas realidades.
A energia se move em círculo, de modo que vai e volta. A combinação dos pensamentos, sentimentos, palavras e ações de todos, no planeta, cria nossa consciência coletiva, ela cria o mundo que vemos diante de nós.
A boa notícia é: como os nossos pensamentos, sentimentos, palavras e ações criam o mundo à nossa volta, temos o poder de criar um mundo de paz, harmonia e abundância. Para fazer isso, é essencial que aprendamos a controlar nossos pensamentos e emoções. Compreender as Leis Naturais do Universo nos ajuda a fazer isso.
De acordo com Amit Goswami (Ph.D em Física Quântica) e Fritjot Capra (Ph.D em Física), as 12 Leis Universais e as 21 sub-leis a seguir são apresentadas sob o ponto de vista das análises mais recentes e criteriosas da ciência da Metafísica e da Física Quântica.

Neste tópico, vamos ver as 12 leis e as 21 sub-leis naturais que regem o Universo:
 
AS 12 LEIS UNIVERSAIS
01) Lei da Unidade – Esta lei nos ajuda a entender que vivemos em um mundo onde tudo está ligado a todo o resto. Tudo que fazemos, dizemos, pensamos e acreditamos afeta os outros do Universo que nos rodeia. Cada um de nós está ligado ao nível do inconsciente coletivo, profundamente dentro do Eu Superior. Somos todos parte de uma grande Fonte de Energia chamada de Deus, e porque somos parte de Deus, nós somos Deus. É o objetivo da Fonte mover a energia para frente, para a criação de mais energia, assim, a vida está em harmonia, cada um de nós aumenta nossa taxa vibracional e intensifica a vibração de toda a Fonte. Quando estamos em desarmonia, nós diminuímos a vibração de toda a Fonte, porque nós SOMOS UM. Tudo o que você pensa, diz e faz, afeta todas as outras pessoas. Quanto mais você dá, mais você recebe, quanto mais você ajudar os outros, mais você irá ajudar a si mesmo. É apenas na terceira dimensão ou no plano material que experimentamos a sensação de separação. Quanto mais aceitação de si mesmo e dos outros, menos preconceito, racismo, peniafobia, homofobia, xenofobia ou falsas identificações e mais próximo (a) você estará da Unidade Divina. A espiritualidade não é sobre ser algo, mas sim sobre ser consciente, atento e presente ao momento, ao agora, a Unidade. Somos todos um e o que fazemos ao outro, fazemos a nós mesmos.

 
02) Lei da Vibração/Ressonância – É a base da manifestação (materialização/realização). Tudo o que existe está em constante movimento. Nós somos emissores e receptores de vibração. Tudo é energia em movimento/vibração. A ciência diz que ao nível subatômico, a matéria aparentemente sólida não existe como tal, o que existe é um gigantesco campo quântico de energia onde todos se relacionam com o todo. Logo, a aparente separação do mundo físico não existe, do ponto de vista científico. Neste campo quântico em que existimos, atraímos para nós as pessoas, coisas e fatos que estejam na mesma faixa vibratória que nós. Aquilo que emitimos retorna a nós. O destino é a consequência direta das energias de cada um, nada acontece por acaso. Portanto, devemos nos dedicar a aumentar nossa vibração através da meditação, oração, gratidão, perdão, bondade, pacificação interna e desapego. Se você emitir amor para o mundo, ele te devolverá em forma de saúde, prosperidade, paz e felicidade. Esta lei declara que tudo no Universo se move, vibra, e viaja em padrões circulares. Os mesmos princípios de vibração no mundo físico se aplicam aos nossos pensamentos, sentimentos, desejos e vontades no mundo etérico. Cada som, coisa, e ATÉ MESMO PENSAMENTO tem sua própria frequência vibracional, única em si mesma. Todo o Universo opera segundo o mesmo princípio de energia vibracional. Quando Einstein descobriu que “a matéria era energia”, ele abriu a porta para a fusão da ciência e da metafísica, os cientistas provaram que a energia não pode morrer, ela só pode se transformar, e por sua própria natureza, a energia deve ir para frente ou para trás, ela não pode ficar parada, pois fazê-lo é a estagnação resultando em transformação. Você é energia, sua pele que parece sólida é, na verdade, trilhões de moléculas se movendo rapidamente em órbita, uma ao lado da outra, a uma taxa de vibração específica, uma taxa de vida física que você ganhou como resultado de como harmoniosamente ou desarmônico você tem vivido sua vida até este momento no tempo. Quando você está harmonioso em toda a vida, você terá alcançado a maior taxa de vibração.
 

03) Lei da Ação – Para nós, esta lei deve ser aplicada a fim de que as coisas se manifestem no plano material. Portanto, devemos nos empenhar em ações que apoiem os nossos pensamentos, emoções e palavras.

04) Lei de Correspondência – Esta lei estabelece que os princípios ou leis da física que explicam o mundo físico – Energia, Luz, Vibração e Movimento – têm seus princípios correspondentes no etérico ou Universo. “Como acima, assim abaixo” .

05) Lei da Causa e Efeito/Carma – Esta lei declara que nada acontece por acaso ou fora das leis universais. Tudo o que você pensa, fala ou faz, volta para você. Cada pensamento, palavra ou ação envia para o Universo ondas eletromagnéticas fazendo com que se tornem realidade. Toda ação tem uma reação ou consequência e colhemos o que semeamos. Carma é o conjunto de ações das pessoas e suas consequências. Na Física, este termo é equivalente a lei da causa e efeito, que diz que para toda ação existe uma reação. Esta lei anuncia que o Universo nos dá a oportunidade de sermos construtores dos nossos destinos. É preciso apenas saber plantar o que queremos colher. Se a semeadura é livre, a colheita é obrigatória. Com atenção no Agora, vamos aprendendo a selecionar os pensamentos que abrigamos em nossa mente. Ao fazer isto, impedimos que pensamentos negativos gerem sentimentos, palavras e ações que desencadeiem resultados indesejados. Fazer ao outro aquilo que gostaríamos que nos fizessem é o caminho mais seguro para fazer com que a Lei da Causa e Efeito trabalhe a nosso favor. Cada evento, cada pensamento, cada ação causa uma consequência. Por exemplo: Se você roubar, acabará sendo roubado (a) em algo porque você causou uma desestabilização na harmonia do sistema universal. E enquanto permanecemos agentes e devedores por este desequilíbrio do perfeito sistema universal, continuaremos neste ciclo de misérias, sofrimentos, nascimentos e mortes. De maneira que um dia os cansaremos dos atos negativos provenientes do nosso estado mental de ignorância espiritual e acabaremos, cedo ou tarde, acordando para eliminarmos estes indesejáveis inimigos da alma. A alma é o nosso verdadeiro ser, a nossa verdadeira identidade, nosso Ser Interior, e necessitamos adquirir autoconhecimento, ativar a sabedoria interior e atingir a auto realização.

06) Lei do Retorno/Compensação – Aquilo que você oferece com dádiva, você acaba por receber mais. Aquilo que você faz para os outros, cedo ou tarde, vai retornar para você, de alguma forma. Quanto mais amor você oferecer aos outros, mais você vai receber em retorno. Esta lei é a Lei de Causa e Efeito aplicada às bênçãos e abundância que são fornecidos por nós. Os efeitos visíveis de nossas ações nos são dadas em amizades, bênçãos, presentes, heranças, dinheiro e bens materiais diversos. Você precisa doar-se para que essa energia de doação (que pode ser em qualquer tipo) transforme as vibrações negativas em positivas. Ao doar seu tempo, amor, dinheiro, conhecimento... Enfim, ao doar-se aos outros, você movimenta sua energia e assim atrai a prosperidade. Existem pessoas que, ao longo da sua jornada, vão impondo barreiras e limites aos seus desejos, mas não importa o tamanho dos seus sonhos, o Universo não enxerga limites. Aquilo com que você sonha é o que vai se realizar, independente de ser algo muito pequeno ou imensamente grande. Atualmente, saber escolher o que realmente se quer é uma dádiva, pois o mundo material nos distrai o tempo todo e é difícil resistir a todo o apelo publicitário que nos faz nos distanciarmos de nossas ideias e desejos originais, que são a nossa conexão com a Fonte de Energia. Mas a partir de uma boa reflexão sobre quem você realmente é e onde você deseja chegar, fica mais fácil criar uma meta.

07) Lei da Atração – Esta lei demonstra como criamos as coisas, eventos e pessoas que entram em nossas vidas. Nossos pensamentos, sentimentos, palavras e ações produzem energias que, por sua vez, atraem energias semelhantes. Energias negativas atraem energias negativas, e energias positivas atraem energias positivas. Se você vibra numa frequência baixa como apatia, tristeza, medo ou ódio, você atrai coisas, acontecimentos e pessoas negativas, se você vibra numa frequência elevada como amor, alegria ou paz, você atrai coisas, acontecimentos e pessoas positivas, podendo afetar o ambiente em que vive e influenciar as pessoas ao seu redor. Onde você coloca sua atenção, sua energia flui. Você atrai o que você é e no que você se concentrar, se você é negativo, você assume experiências de negatividade, se você está amando, você assume e experimenta o amor, você pode atrair para si apenas as qualidades que você possui, então, se você quer paz e a harmonia em sua vida, você deve tornar-se pacífico (a) e harmonioso (a). O Universo quer para você aquilo que você quer para si mesmo (a). Ele respeita a sua consciência. Você atrai aquilo que você transmite. O Universo te retorna aquilo onde você coloca o seu foco, a sua atenção, suas palavras, seu sentimentos, sua energia. Ele não analisa se é bom ou ruim, ele simplesmente respeita o seu foco, seu livre-arbítrio, sua escolha e lhe retorna.

08) Lei da Transmutação de Energia Perpétua – Esta lei afirma que todas as pessoas têm dentro de si o poder de mudar as condições em suas vidas. Vibrações mais elevadas consumem e transformam as mais baixas, assim, cada um de nós pode mudar as energias em nossas vidas através da compreensão das Leis Universais e aplicar os princípios de tal forma a efetuar a mudança.

09) Lei da Relatividade – Esta lei afirma que cada pessoa irá receber uma série de problemas (contrastes) para o propósito de fortalecer a Luz interior. Devemos considerar cada um destes contrastes a ser um desafio e permanecer conectados ao nosso coração quando proceder para resolver os problemas. Esta lei também nos ensina a comparar os nossos problemas com os problemas dos outros e colocar tudo em sua devida perspectiva. Não importa o quão ruim percebemos ser a nossa situação, há sempre alguém que está em pior situação. Tudo é relativo.

10) Lei da Polaridade – Esta lei indica que tudo é um continuum e tem um oposto. Nesta dimensão em que vivemos, tudo é dual. Os opostos são idênticos, em sua natureza, mas diferentes em grau. Todos os paradoxos são reconciliáveis. Tudo tem sua polaridade positivo e negativo, feminino e masculino, luz e trevas. É necessário viver no equilíbrio entre os pólos. Você pode suprimir e transformar pensamentos indesejáveis, concentrando-se no pólo oposto. É a lei das vibrações mentais.

11) Lei do Gênero – Esta lei indica que tudo tem seu princípio feminino (yin) e masculino (yang), e que estes são a base para toda a criação. Devemos equilibrar as energias masculina e feminina dentro de nós ou a nós mesmos para nos tornarmos verdadeiros co-criadores.

12) Lei da Gestação/do Ritmo – Esta lei declara que tudo vibra e se move em certos ritmos. Esses ritmos estabelecem estações, ciclos, fases de desenvolvimento e padrões. Cada ciclo reflete a regularidade do Universo. Mestres sabem como superar partes negativas de um ciclo por nunca criar expectativas demais nem permitir que as coisas negativas penetrem a sua consciência.

 
AS 21 SUB-LEIS
01) Lei da Energia – Como afirmam os físicos e em especial os físicos quânticos, tudo no Universo é energia. E toda energia é vibração. É apenas em vibração que faz diferir casa coisa e cada ser (Teoria das Cordas). No Universo, a energia não se cria e não se perde, apenas se transforma. Isso se aplica a tudo, inclusive à consciência. As diferenças na vibração fazem mudar as propriedades das coisas de forma que parecem diferentes à nossa percepção limitada. Deste modo e evidentemente, há formas de energia que não são observadas pela nossa percepção limitada, mas é claro que continuam a existir (exemplo: UVs, eletricidade...). Deste modo, formas de seres e objetos podem não ser manifestadamente visíveis, mas são existentes. Ou não podemos ver, mas podemos sentir.

 
02) Lei do Agora/da Eternidade – Na realidade, o tempo não existe. Esta ideia é uma convenção, um acordo social. O que pensamos que é tempo foi algo conceituado pelos físicos em relação a movimentos cíclicos de um objeto relativo. Se nós sairmos da superfície da Terra e não pudermos observar o sol nem a lua, nós perderemos esse conceito de tempo. Passado e futuro só têm realidade nas nossas construções mentais. Você não pode fazer nada ontem ou amanhã porque, na verdade, só existe o Agora.
 
 

03) Lei da Harmonia - No Universo, tudo tenta atingir o equilíbrio e a harmonia. Observe o caso da natureza, do Planeta Terra e de todo o Universo conhecido. Este plano material é um reflexo do plano astral. Tudo que existe aqui existe lá, só que aqui é reflexo pervertido, temporário e ilusório. Lá, tudo é absoluto, eterno, perfeito, pleno de prazer, pleno de conhecimento e de êxtase. Aqui, somos como um peixe fora d’água. A harmonia é o supremo potencial do equilíbrio. Se você jogar uma pedra em um lago, você perturba a harmonia deste lago, você é a causa, o efeito é o splash e as ondulações que fluem para fora e para trás até que a harmonia seja restaurada, da mesma forma suas ações desarmônicas fluem para o Universo para trás e para cima de você até que, finalmente, a sua própria harmonia seja restaurada.
 

04) Lei da Afinidade Magnética – Semelhante atrai semelhante. Cada vez que você envia energias – boas ou más – para o Universo, você está atraindo energias semelhantes à sua. Você é responsável por tudo o que acontece ao ser redor, inclusive acidentes, pois as vibrações estão na mesma frequência. Nada acontece por acaso. Há afinidades que explicam propósitos e consequências de acordo com o nosso nível de consciência. Ao escolher a hora e o local do seu nascimento, você determinou a natureza ou os efeitos que você irá experimentar em sua vida. Por outro lado, antes de nascermos, tomamos decisões sobre o tempo de vida em que vamos estar entrando. Você escolheu seus pais, outras pessoas para interagirem com você e as configurações astrológicas de seu nascimento que determinam o seu caráter, personalidade, habilidades, limitações, e o tempo para os pontos fortes e fracos.
 

05) Lei da Evolução e Propósito – A evolução do Universo e da vida não ocorre por acaso. Existe um propósito e tudo é orquestrado de um modo espantosamente inteligente pela Consciência Suprema. A evolução humana é no sentido da expansão da consciência, ou seja, da inteligência, do poder criativo e da manifestação dos bens favoráveis a toda sociedade. Todos, na Terra, compartilham a meta de evolução. Realizando-se ou não, estamos neste mundo material porque desejamos evoluir. Elevamos, acima de tudo, nossas emoções baseadas no medo e, ao fazê-lo, aprendemos a expressar o amor incondicional que aumenta a nossa taxa de vibração, aproximando-nos de um estado de harmonia. Mesmo quando parece que não estamos evoluindo, estamos fazendo progressos. Nós aprendemos com a dor de nossos atos desarmônicos que podem ser vistos como nossos erros ou falhas. Dharma é o propósito evolutivo que escolhemos para a nossa vida. Quanto mais respeitamos e nos alinhamos com a Lei do Carma, mais nos elevamos e transcendemos o nosso carma e mais conscientes nos tornamos do nosso Dharma, do que nascemos para vivenciar. A evolução da Consciência Suprema é no sentido da sabedoria do amor. Nós somos partículas atômicas da Consciência Suprema, somos extensão da Fonte de Energia, temos as mesmas qualidades fundamentais dela, só que em quantidade infinitesimal. Temos uma ligação profunda com a Fonte de Energia, somos parte integrante da Consciência Suprema, que é a causa do conhecimento perfeito e bem-aventurança verdadeira. A causa de todas as causas.
 

06) Lei do Livre Arbítrio – Somos responsáveis pelo que criamos totalmente com nossas atitudes, e a isso chamamos de livre arbítrio. Você tem a liberdade de reagir perante os eventos e circunstâncias. Assim, desenvolvendo consciência espiritual, haverá gradualmente o desapego às coisas e aos seus resultados e às suas expectativas quase sempre frustrantes, e você aprende a cultivar ações materiais e espirituais positivas. Deste modo, você elimina consequências desfavoráveis do carma e cria perspectivas mais positivas para a vida material e espiritual no modo da bondade.
 

07) Lei da Sabedoria – A sabedoria da consciência (sabedoria interna) elimina a ignorância e suas consequências negativas. Por exemplo: ao aprendermos a lidar com as diversas coisas da vida com amor, consciência e dedicação, podemos ultrapassar nossas dificuldades quotidianas, sempre inspiradas no conhecimento superior da ciência espiritual, que nos diz claramente que somos seres espirituais e viemos ao mundo material para expandir a consciência. Portanto, não é nada inteligente dedicarmos quase todo o nosso tempo ao mundo material. Infelizmente, parece que estamos aprendendo através da dor, através da experiência diretamente das consequências de nossas ações. Quando você, avidamente, tira dos outros em vez de aprender através da sabedoria e do amor que isso é errado, você tem que experimentar que os outros, avidamente, tomem de você, mais tarde. Se você tiver sabedoria para aprender suas lições através do amor e da sabedoria interna, você pode atenuar o seu sofrimento.
 
 

08) Lei da Intenção e Manifestação – Tudo se inicia com um pensamento, uma ideia, um mantra, ou seja, com o verbo. Quanto mais forte, mais repetitivo é este, mais depressa se manifesta (materializa/realiza), pela mecânica material ou espiritual da imantação. O poder criativo da mente e da inteligência são dons inatos ou adquiridos que podem ser trabalhados pelas prática da meditação e da Yoga, e assim você poderá subir para um nível mais elevado e compreenderá as limitações e imperfeições dos seus sentidos físicos materiais. O método científico e filosófico da auto realização é o método pelo qual purificamos nossa consciência, impedimos mais poluição e chegamos ao estado de perfeição. Pensamos e agimos. O pensamento é uma força criadora. A mente humana é uma centelha da infinita mente divina. Alinhe-se com a Fonte Universal através da meditação e da oração. Quanto mais tempo um pensamento puro é mantido na mente, mais poderoso o resultado. A intenção transforma a realidade promovendo a manifestação (materialização/realização) do que desejamos. É claro que nossa intenção deve ser elevada, visando o bem mais elevado para todos os envolvidos. Toda manifestação começa com um pensamento, uma ideia. Ideias e experiências criam crenças que por sua vez criam a sua realidade. Se você está descontente com a sua realidade atual, você deve mudar suas crenças e seu comportamento. Crenças podem ser alteradas quando você reconhece aquelas que não estão funcionando para você, começa a programar o que vai criar o sucesso e a harmonia em sua vida. O poder criativo ilimitado de sua mente, através da dedicação, conscientização e treinamento, pode ser a sabedoria para a sua evolução. Dentro das leis físicas e espirituais, você pode manifestar qualquer realidade que deseja experimentar. Em relação à mudança de seu comportamento, você deve decidir qual o comportamento desarmônico que você quer eliminar, então esteja ciente de que você não tem que mudar como você se sente sobre algo que o afeta, você deve estar disposto a mudar o que você está fazendo.
 
 

09) Lei da Abundância – Nós criamos a realidade que queremos, conforme nossos interesses. Ou melhor, nós vemos a realidade que queremos. Mas a realidade é que o Universo é infinitamente abundante. Todos os seres humanos contêm em si todo o potencial para fazer das suas vidas um paraíso de imensa felicidade. No entanto, a generalidade da espécie humana, imersa na ignorância, escolhe viver um planeta de escassez e assim cria a sua realidade ilusória. Embora a maioria das pessoas veja o mundo como um universo de escassez, vivemos em um Universo abundância e, se você optar por aceitar aquilo que é o seu direito divino, você terá uma vida de abundância, pois você tem dentro de si tudo o que é necessário para tornar a sua vida terrena um paraíso.
 
 

10)
Lei da Fé – Para atrair e manifestar aquilo que desejamos, ou seja, para criarmos a realidade como desejamos que ela seja, é preciso acreditar com convicção, com certeza absoluta. Em outras palavras, é preciso ter fé. A ideia de que a fé só tem a ver com a nossa experiência religiosa é equivocada. Isto é um erro, pois a fé não é algo criado ou utilizado somente na religião. A fé é uma faculdade da mente, é uma abordagem mental. O medo, por exemplo, é uma fé desqualificada.
 
 

11) Lei da Gratidão - Agradecer pelos fatos simples da vida e pelo que você tem, mesmo que tenha pouco, é o segredo da realização dos sonhos. O sentimento de gratidão sintoniza com as vibrações do Universo e tem o poder de reproduzir no plano material todas as coisas boas que existem no plano astral. Quanto mais gratidão você sentir, mais você vai receber, pois o Universo vai retribuir à vibração do seu sentimento. Esta é uma lei imutável. Seja grato (a) a todas as pessoas, coisas e fatos.
 
 

12) Lei do Desapego – É a compreensão de que nada nos pertence, nem mesmo as pessoas de nossa família (filhos, marido, esposa, pai, mãe, irmãos), amigos, animais de estimação e bens materiais. Tudo é passageiro em nossa vida, inclusive o nosso corpo físico. Devemos amar e estar presentes em tudo que está a nossa volta, porém devemos nos conscientizar, com sabedoria, do desapego amoroso. Amar é estar presente, mas consciente das Leis Universais, para não nos deixarmos abater emocionalmente. É na resistência e no apego que está a origem de todos os nossos sofrimentos. Só porque resistimos com apego aos bens materiais e às pessoas que passam pela nossa vida, estamos sempre insatisfeitos e incompletos. Quando aceitamos que todas as coisas são passageiras e mutáveis, ficamos em paz. Cultivando a consciência de que tudo é transitório e efêmero, podemos ser mais facilmente felizes. É a sua resistência ao que você é que faz o seu sofrimento. Em outras palavras, a sua resistência ao que você é causa tudo o que não funciona na sua vida: problemas de relacionamentos, perda de entes queridos, solidão, doenças, acidentes, culpa, dificuldade financeira, desejos não realizados e assim por diante. Quando você aceita o que é, você aceita as realidades imutáveis em sua vida sem resistir-lhes. Algumas coisas são fatos, elas existem e não importa o quanto você resista a elas, não há nada que você seja capaz de fazer com elas. Mude o que você pode mudar, mas tenha a sabedoria de aceitar situações inalteráveis como elas são, sem desperdício de energia física ou mental ao tentar mudar o que você não pode mudar. Com a aceitação vem o desapego envolvido, a capacidade de desfrutar de todos os aspectos positivos da vida, permitindo que o negativo flua através da sua resistência, mas sem afetar você.
 
 

13) Lei da Resistência - Aquilo a que você resiste, você assume para você, perpetuando sua influência sobre sua vida. A resistência é o medo, por isso é algo que você precisa resolver. Aquilo que você resiste por desconhecer a verdade chama-se ignorância e se você receia obter o conhecimento superior espiritual, você será atraído (a) cada vez mais aos medos, as angústias e as desavenças. Fluir com a vida, não oferecer-lhe resistência produz verdadeira transformação interior que abre as portas para a prosperidade, abundância e felicidade. Assim se assegura que você se livre dos seus medos, suas angústias, depressões e ansiedades lidando com eles diretamente, utilizando a sabedoria interior para enfrentá-los e vencer toda a resistência. A Lei da Resistência garante que, quando você se deparar com o medo, a melhor maneira de lidar com ele é deixá-lo ir embora, aprendendo o desapego consciente.
 

14) Lei da Reflexão - Esta lei diz a que suas características correspondem aos outros, que você reconhece em si mesmo, tanto positivo quanto negativo. Aquilo que você aprecia, receia ou desgosta nos outros, você tem em si mesmo (a) e vice-versa. Em verdade, somos o reflexo do outro. A pessoa imatura apenas projeta no outro a parte de si que não torna consciente. Aquilo que você resiste em si e receia nos outros é a causa da sua principal ignorância, ou seja: quem você é, de onde veio e para onde vai. Verdadeiramente, somos assim, inconscientes. Alguns ramos da Psiquiatria, Neurociência, Psicologia e Psicanálise modernas lidam com esta lei, mas infelizmente só percebem e tratam os sinais e sintomas superficiais, contudo a causa verdadeira está na raiz, no transfundo da inconsciência. Portanto, somente o seu autoconhecimento e a sua auto realização, tanto material como espiritual, poderia lhe colocar em verdadeira reflexão de: “ Quem Eu Sou?”

Existem quatro manifestações primárias:
 
1. O que você admira nos outros, você reconhece como existente dentro de si mesmo.
 
 
2. O que você resiste e reage fortemente nos outros, com certeza, será encontrado dentro de si mesmo.
 
3. O que você resiste e reage nos outros é algo que você tem medo que exista dentro de você.
 
4. O que você resiste em si mesmo, você não gosta nos outros.
 
 

Em outras palavras, neste mundo material, você está aprendendo a superar o efeito do medo. Esses temores sempre serão refletidos em suas reações aos outros, assim seus objetivos são muito óbvios. Uma vez que você sabe como percebê-los, quando você deixa ir o medo, você automaticamente se abre para expressar o amor incondicional.
 

15) Lei do Amor Incondicional – A expressão do amor incondicional proporciona paz e harmonia. O amor incondicional não é o amor romântico, mas sim o amor que você dá sem pedir ou esperar nada em troca, é a aceitação dos outros como eles são, sem julgamentos ou expectativas, é a total aceitação dos outros sem tentar mudá-los, exceto pelo nosso próprio exemplo positivo. A Lei do Amor Incondicional diz: “Se você agir de sua maneira expressando o amor incondicional, você se eleva automaticamente acima do medo, e quando você transcende seus medos, você automaticamente se abre para a expressão do amor incondicional”.
 

16) Lei do Perdão – Perdoar não significa aceitar, ser conivente e valorizar o comportamento agressivo do outro. Perdoar significa que você está de posse desta importante virtude e que é capaz desta extraordinária conquista que libera grande energia psíquica/emocional, que passa a direcionar para suas conquistas, para realizar seus desejos e sonhos. Seja esperto e perdoe. Não fique desperdiçando energia com ressentimento, rancor, mágoa ou raiva. Libere estes pensamentos tóxicos, pois se você os mantiver, eles acabarão lhe causando doenças, fadiga e depressão.
 

17) Lei do Mínimo Esforço – Esta lei reafirma a Lei da Resistência e nos convida a usar, em tudo o que fizermos, o bom senso e o verdadeiro sentido de valor. Praticar a aceitação, aceitar pessoas, coisas e fatos como eles são e não como você gostaria que fossem. Saber que o momento é como deve ser. Assumir a responsabilidade pelas situações, não culpar a ninguém. Todo problema traz em si uma oportunidade para transformá-lo em algo de imenso benefício. Desistir da necessidade de defender seus pontos de vista e de convencer os outros a aceitá-los. Permanecer aberto (a) a todos os pontos de vista e não se prender a nenhum deles. O Universo, a Consciência Suprema ou a Fonte de Energia chamada de Deus não julga ninguém. Os julgamentos são invenções humanas para impor medo, baixar a autoestima e controlar as pessoas. Cada vez que você discute, ofende, briga, fala mal ou critica alguém, você aumenta a energia negativa que acaba somatizando nos corpos sutis até chegar ao seu corpo físico como doenças, acidentes, etc. É preferível se calar a falar palavras negativas. Se as coisas não estão a seu contento, avalie seus pensamentos, sentimentos, palavras e ações, e corrija-os. Aceite as coisas como elas são, pare de culpar a tudo e a todos, desista de convencer os outros conforme o seu ponto de vista e você conquistará sua felicidade com um mínimo de esforço.

18) Lei do Compromisso – Todos nós viemos ao mundo para expandir a consciência e uma forma de consciência superior só consegue ser plenamente feliz quando compartilha dessa felicidade com todos os outros seres. Se os outros sofrem ou vibram numa frequência baixa, o desequilíbrio incomoda e afeta a todos e ao planeta. Bodhísattva é um termo sânscrito comumente aceito pela maioria dos adeptos metafísicos hoje, e significa aquele que transcendeu a necessidade de vir ao mundo material, mas optou em voltar para a terra para ajudar os outros a alcançar a iluminação. Um Bodhisattva sabe que nunca vai ser realmente livre até que todos nós sejamos livres. A maioria dos estudantes sérios da Metafísica entraram na etapa de desenvolvimento de Bodhisattva, em sua evolução.
 

19) Lei da Comunhão/Associação - Quando duas ou mais pessoas de vibração semelhante estão reunidas para um propósito compartilhado, sua energia combinada direcionada para a realização desse objetivo é dobrada, triplicada, quadruplicada ou mais. Quando duas ou mais pessoas se reúnem com a mesma intenção elevada, a força é duplamente mais eficaz. Podemos criar satisfação global para todos, deste modo. Quando milhares de pessoas se reúnem com o mesmo propósito, a força é incomensurável. Esta consciência tem sido usada por clãs, religiões, grupos de cura e, recentemente, nas meditações em todo o mundo para a paz mundial.
 

20) Lei da Oração e Meditação – Orar não é achar-se culpado, inferior ou sofredor, implorar o perdão de Deus ou fazer pedidos. No artigo "
Como Fazer Uma Oração Eficaz", eu mostro como fazer uma oração conectada, uma oração que realmente funciona. Na respiração, nós temos o fôlego da vida. Orar respirar profundamente, elevar seu sentimento de gratidão (agradecendo pela dádiva da vida e por tudo pelo qual você é grato), fazer uma conexão dirigindo sua intenção para que a energia positiva seja enviada a todas as pessoas que oram, depois dirigir sua intenção para todas as pessoas, situações e locais do mundo que precisam de oração - líderes políticos, religiosos e sociais, orfanatos, asilos, hospitais, casas de caridade, zonas de refugiados, regiões que estão de guerra, regiões que sofreram catástrofes e tragédias e presidiários - depois direcionar sua intenção para a sua família e entes queridos, para os seus projetos, metas e sonhos, mantendo durante todo o período em que está orando uma vibração positiva, visualizando tudo em paz, em perfeita harmonia, alegre, saudável e feliz. Meditar não é concentrar o pensamento em algo, mas sim não pensar em nada, silenciar a mente para que possa entrar em sintonia com a Fonte de Energia, ouvir o seu Ser Interior, conectar-se à Consciência Suprema, com a mente divina, entrar em contato com a sua Matriz Primordial, harmonizar-se com o planeta e com o Universo. Em seu livro “Amor, Medicina e Milagres”, o Dr. Bernie Siegel afirma o seguinte sobre a meditação: “Não conheço outra atividade isoladamente, que contribua tanto para melhorar a qualidade de vida” . Várias pesquisas têm demonstrado o mesmo a respeito da meditação.
 

21) Lei da Ordem Divina - Se você procura entender a Lei da Ordem Divina, estude o equilíbrio da natureza pois ele funciona da mesma forma. Tudo é como deveria ser, embora a humanidade (nossa gestalt de energia) esteja longe de experimentar o seu potencial de harmonia total, não há acidentes. Sua energia traduzida em pensamentos, palavras, emoções e ações fazem todas as suas experiências. Isto garante que você sempre tenha as oportunidades de aprendizado que você precisa para evoluir. E como você, os pensamentos coletivos, palavras, emoções e ações da humanidade criam o ambiente para todos nós. Se pessoas suficientes concentrarem sua energia na paz, teremos a paz. Se a maioria das pessoas estiverem cheias de raiva, todos nós podemos ter a experiência de guerras. TODOS SOMOS UM, e como as muitas subpersonalidades dentro de você, os traços dominantes da humanidade (toda a gestalt) vão surgir para a evolução coletiva.
Todos nós viemos a este mundo para expandir a consciência, para evoluir e ser feliz. Mas é impossível chegar a um local específico se você está seguindo na direção contrária. Portanto, se você quer encontrar a felicidade plena e evoluir, é muito importante que você viva de acordo com essas leis, pois são leis que regem o Universo e você faz parte dele. Então, mesmo que você não conheça, não creia ou não aceite, essas leis regem a sua vida. É como a Lei da Gravitação (conhecida como lei da gravidade): mesmo que você não saiba, não creia ou não concorde, se você se atirar da janela de um prédio, você vai cair.

Se você viver de acordo com as Leis Naturais do Universo, ou seja, se você seguir o fluxo natural das coisas, sua vida será simples e muito mais feliz.
 

Site criado com o sistema Easysite Acadêmico da eCliente.
ECLIENTE INFORMÁTICA